Engines MySQL – Archive

Ola pessoal,

Hoje iremos falar do Engine Archive, suas caracteristicas e vantagens.

O Archive é usado para armazenar grandes volumes de dados em um formato compactado no MySQL, ocupando um espaço muito menor do que os demais engines.

Sabe aquela tabela de log, histórico, contato que você quase não a utiliza? Então, uma boa opção de trabalho é utilizar o Archive, por conta do armazenamento em disco e também na visualização destes dados.

Algumas vantagens e observações:

– Sua estrutura é representada pelo arquivo .frm
– Diferente do MyISAM, seus arquivos de dados são representados pelo: .ARZ , .ARN (apenas no momento de alguma otimização da tabela) e .ARM (Meta dados criado em versões anteriores ao MySQL 5.1.15)

– Não tem suporte a indices
– Tem suporte para Insert e Select’s, mas não para Delete, Replace ou Update
– Tem suporte para operações Order By e colunas Blog

A cada novo registro (insert) as linhas são enviadas para um buffer de compactação, onde este é descarregado quando necessário. Nenhum registro trabalha via cache, onde a inserção no buffer é protegida por um nível de bloqueio.

Já a instrução Select executa uma varredura na tabela completa, descobrindo todos os registros lá inseridos e descompactando tanto o buffer de inserção como as linhas já armazenadas. Ou seja, os dados só seram descompactados no momento de uma consulta (Select), fora isso eles se manteram compactados trabalhando em conjunto com o buffer de inserção.

Para melhorar ainda mais a compactação ou recuperar alguma tabela corrompida no modo Archive, você pode utilizar:

Caso precise converter alguma tabela para este Engine, basta seguir conforme o exemplo abaixo e logo depois confirmar o novo Engine da tabela:

Enfim, este engine lembra muito a pratica de Data Warehouse, armazenando de forma segura e eficiente dados com o perfil unico de histórico.

Referencias: Doc MySQL

É isso ai pessoal.

Dúvidas, criticas ou sugestões? Fiquem a vontade, todo retorno é construtivo 🙂

Jose Wilson

Deixe uma resposta